Política Geral

politica-geral-empresaPOLÍTICA GERAL (PG) WBD
A política geral (PG) da WBD assenta num conjunto de princípios fundamentais, que visam interconectar os objetivos gerais (OG), com os diversos subsistemas organizacionais. Estes princípios, compartilhados transversalmente por todos os recursos humanos da WBD, compreendem três dimensões primárias: social, humana e técnica.

Assim, a PG é o mecanismo interno de ligação da díade estratégia-operação, sendo mediado pelos princípios fundamentais definidos ex ante pela gestão.politica-gerall

 

A PG determina o desenho estratégico geral, e subsequente, dos diversos subsistemas organizacionais, estabelecendo uma ponte entre duas dimensões (da gestão e operação), moldando e determinando (path dependency) as capacidades dinâmicas (dynamic capabilities) e utilização de recursos (resources-based view) organizacionais.

A PG da WBD é bifocal (interna e externa), consoante os objetivos são respetivamente voltados para si e/ou para o mercado, que é baseada em princípios, i.e. num conjunto de projeções éticas-morais afirmadas através de três outputs: (i) a visão que reflete o Corporate Thinking; (ii) os valores (a declaração formal dos princípios tacitamente incorporados); e (iii) a missão (que resume a ação de empreender um projeto). Estes outputs determinam a formação da PG, pelo seu efeito moderador.

 

Assim, a Política Geral da WBD assenta nas seguintes dimensões:

Sustentabilidade – Assegurar o desenvolvimento sustentável da organização, enquanto sistema interatuante com o mercado, visando as melhores soluções nos planos, financeiro, social e ambiental.

Responsabilidade Social – Empreender junto dos stakeholders e comunidade, ações que promovam a satisfação, felicidade e bem-estar dos indivíduos, interna e externamente, de forma direta, através das condições e benefícios (intrísecas e extrínsecas), de boas práticas de gestão e de uma cultura pró-integralista e adhocrática, e de forma externa alicerçada num portefólio de produtos e serviços que sirva as necessidades do mercado, bem como, através do desenvolvimento de atividades de investigação e desenvolvimento (I&D) que visem criar inovação com valor, e uma participação colaborativa com diferentes organizações (com e sem fins lucrativos que promovam o desenvolvimento comunitário.

Legalidade – Garantir o cumprimento escrupuloso de todas as disposições legais, pela empresa e seus representantes.

Meritocracia – Promover e desenvolver uma cultura baseada no mérito da competência, desempenho profissional, e capacidade intraempreendora.

Equidade – Assegurar o desenvolvimento de uma estratégia, comunicação e práticas organizacionais, que permitam um tratamento justo e não discriminatório de todos os indivíduos.

Inovação – Desenvolvimento de ações e dinâmicas internas de investigação e desenvolvimento, para criação de valor e que permitam o aparecimento de serendipidade e inovação técnica e/ou antropocêntrica, em benefício da comunidade, segundo uma lógica humanista de vanguarda empresarial, de promoção de inovação social.